Cheque Especial , quando devo utilizar?

Não deve.

O Cheque especial deveria ser visto da mesma forma que um seguro de carro ou de vida, a gente torce para nunca usar é dessa mesma forma que devemos tratá-lo.

O cheque especial é coisa do Banzaré então? Sim.

Falando sério pessoal, o cheque especial funciona como um limite pré-aprovado na sua conta, muitas vezes ele é até mostrado como saldo disponível, por isso digo que é coisa do banzaré. Como aquele dinheiro está ali, nós acabamos utilizando, e as consequências são sombrias.

Existem alguns bancos que não cobram juros durante um período de dias de utilização dessa forma de crédito, ou seja, você utiliza aquele dinheiro para uma emergência e se dentro do prazo a sua conta voltar a ter saldo positivo, por um depósito, ou outro valor recebido, sua dívida é quitada de forma automática, de qualquer forma, sempre que utiliza esse recurso é pago o IOF na operação.

Mas porque devemos evitá-lo?

Em primeiro lugar pelo alto valor de juros cobrado nesse tipo de crédito, por ser algo já disponível em sua conta, o risco do banco é maior, por isso o valor de juros cobrado é proporcional a este “benefício” concedido.

Segundo, porque depender do cheque especial significa que você não tem controle sobre suas finanças e que acabou precisando contar com recursos que não são seus para cobrir as contas de determinado mês.

Por último, uma vez que dependa desse limite e ele não for quitado o mais breve possível, a dívida se transforma em uma bola de neve, o que gera mais desgaste com sua instituição financeira e pode acabar lhe trazendo maiores dores de cabeça.

Antes de ir para o próximo tópico, acho importante destacar que o cheque especial jamais deve ser utilizado para comprar alguma futilidade ou satisfazer um desejo momentâneo, mesmo que seja tentador utilizar aquele valor disponível, é muito mais válido refletir e quem sabe adiar a compra para o próximo mês, garanto que você ficará muito triste na hora e quando chegar em casa também. Mas depois passa, a dívida assumida continua.

O título falava em quando devo utilizar, era tudo mentira?

Não, apesar de se fazer necessário ser muito seletivo para usar o recurso, existe ocasiões em que o cheque especial pode ser bastante útil, até por este motivo devemos manter ele disponível para este tipo de evento. Uma consulta de emergência ou a compra de um remédio são exemplos de real necessidade, uma vez que depender da saúde pública nem sempre é a melhor opção.

Evitando o uso constante e criando sua reserva de emergência fica cada vez mais desnecessário o uso do cheque especial, sugiro até que após ter uma boa reserva em um investimento seguro, você opte por reduzir seu limite ou até cancelar esse serviço.

É isso galera, o cheque especial é coisa do banzaré, e só pode ser utilizado em situações “especiais” como o próprio nome já diz, espero ter contribuído mais uma vez.

 

Flws.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s