Aposentadoria: planeje-se para o futuro

Que momento mágico, acredito que todo mundo mesmo quem está em início de carreira já imaginou a hora em que para de trabalhar e vai curtir a vida.

Porém, ainda acho ruim o conceito de esperar de 30 a 40 anos para poder “aproveitar” melhor cada momento.

Não é meu objetivo fazer críticas, então vou parando por aqui, vamos focar no tema do planejamento, que é o propósito do post.

Algo que acredito que todos concordam é que são poucos, principalmente quem ainda está iniciando a vida profissional, os que se preocupam de verdade com a sua aposentadoria, quando digo “se preocupam” é em relação aqueles que realmente fazem algo pensando nesse momento, não somente quem discute sobre isso e deixa como está.

Digo isso porque de maneira geral, mesmo quem sempre teve um emprego formal, contribui direitinho todo mês e ainda tem uma vida financeira estável acaba se complicando quando chega a hora de se aposentar.

E porque isso acontece?

Bem, quando alguém se aposenta perde uma parte da renda, seja por não conseguir receber o valor integral do último salário, ou por deixar de receber alguns benefícios como vale alimentação ou auxílio transporte, entre outros.

Não me recordo de ter visto mudanças positivas nas regras da previdência ultimamente, pelo contrário, contudo mais uma vez não quero fazer críticas.

Isso tudo sem mencionar o teto do benefício para aposentadoria, ou seja, quem recebe acima daquele valor acaba tendo um corte ainda maior em sua remuneração.

Além do decréscimo na renda, ao se aposentar é comum que alguns custos de vida aumentem, pois com mais tempo livre é natural fazer mais atividades, sejam viagens, ou passeios para conhecer novos lugares, algo que não podia ser feito antes pois não se tinha tempo.

Por último, com a idade vem alguns problemas de saúde, e assim mais um custo no orçamento com remédios e vitaminas, que combatem o desgaste que veio com vários anos de trabalho.

Não gosto de parecer negativo, mas aquele momento que era tão esperado parece um pouco menos convidativo agora.

Entendi, e agora?

Espero que as ideias que comentei acima não desanimem ninguém, a finalidade desse post é prevenir e não tirar as esperanças de quem lê.

Mas vamos lá, se você concorda com o que escrevi, fica mais claro que o planejamento para a aposentadoria se torna mais necessário do que parece, e sim, quanto mais cedo começar, mais fácil será se preparar para esse momento.

A ideia aqui é que os investimentos ao longo do tempo irão formar o colchão necessário para complementar sua renda na aposentadoria, então, além do valor recebido pelo governo, direito que você conquistou com suas contribuições, ainda terá um extra, que virá de bons investimentos feitos durante a vida, que é claro irão contar com a ajuda do seu amigo juros composto.

Não é meu intuito parecer dramático, apenas dar um alerta, e sei que o post ficou mais reflexivo do que instrutivo, prometo complementar a ideia nos próximos capítulos.

Dúvidas, críticas e sugestões, comentem abaixo.

Flws.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s